Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Indian Summer

Inconsolável

Estou incontrolável. Inconsolável.

 

Para começar... olá! Desapareci dos meus próprios pensamentos durante algum tempo, e quando arranjo espaço para mergulhar em mim, parece sempre muito curto.

 

Ultimamente, a minha vida resume-se a comer, estudar, ir para a escola e fazer umas quantas outras tarefas diárias. Para dormir, sobra o pouco tempo que resta. Estou mesmo a precisar das férias, para me orientar, para me organizar, pôr umas quantas ideias em andamento, acabar tarefas antigas, e mais que tudo, descansar. Sinto que me arrasto todos os dias da escola para casa, de casa para a escola e acho que já faço umas quantas conversas sem nexo nenhum. Lá está, fora de controlo.

 

E entretanto, chegou dezembro, o que me assusta imenso. Dezembro é sempre aquele mês animado, em que me sinto muito feliz e no tal espírito natalício. Este ano não sinto nada disso. Não há espírito nenhum, não o encontro em mim, já tentei, já perguntei porquê, mas não aparece. E é muito triste. Porque este é o último mês do ano, o último de 2013. E passou tão depressa! E eu sinto que o tempo passa pelos meus dedos e que eu não o consigo agarrar. Para onde é que eu vou depois do secundário? O que é que eu vou fazer da vida? Porque é que não consigo ser verdadeiramente feliz? É isto que me mantém acordada a noite toda. A minha cabeça é um jogo de tetris mal jogado. Não há peças que encaixem. E será que algum dia se encaixarão?

 

Beijinhos

*~*~*

3 comentários

Comentar post

Mais sobre mim

foto do autor

Mensagens

Arquivo

  1. 2015
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2014
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2013
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
Em destaque no SAPO Blogs
pub